28 de março de 2014

Eles votam!!


Um amigo meu comprou um frigorífico novo e, para se livrar do velho, colocou-o em frente do prédio, no passeio, com o aviso : "Grátis e a funcionar. Se quiser, pode levar". O frigorífico ficou três dias no passeio, sem receber um olhar dos passantes. Ele chegou à conclusão de que as pessoas não acreditavam na oferta. Parecia bom de mais para ser verdade e mudou o aviso : "Frigorífico à venda por 50,00€"

No dia seguinte, tinha sido roubado !

Cuidado ! Este tipo de gente vota !
_____________________________________

Ao visitar uma casa para alugar, o meu irmão perguntou à agente imobiliária para que lado era o Norte, porque não queria que o sol o acordasse todas as manhãs.

A agente perguntou: "O sol nasce no Norte ?"

Quando o meu irmão lhe explicou que o sol nasce a Nascente (aliás, daí o nome) e que há muito tempo que isso acontece, ela disse: "Eu não estou actualizada a respeito destes assuntos".

Ela também vota ! ____________________________________________

Trabalhei uns anos num centro de atendimento a clientes em Ponta Delgada - Açores. Um dia, recebi um telefonema de um sujeito que perguntou em que horário o centro de atendimento estava aberto. Eu respondi : "O número que o senhor discou está disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana."

Ele então perguntou : "Pelo horário de Lisboa ou pelo horário de Ponta Delgada ?"

Para acabar logo com o assunto, respondi : "Horário do Brasil."

Ele vota !
_______________________________________

Um colega e eu estávamos a almoçar no self-service da empresa, quando ouvimos uma das assistentes administrativas falar a respeito das queimaduras de sol com que tinha ficado, por ter ido de carro para o litoral.

Estava num descapotável, por isso, "não pensou que ficasse queimada, pois o carro estava em movimento."

Ela também vota !
_____________________________________

A minha cunhada tem uma ferramenta salva-vidas no carro, para cortar o cinto de segurança, no caso de ficar presa nele. Mas guarda a ferramenta no porta-bagagens !

A minha cunhada também vota !
_____________________________________

Uns amigos e eu fomos comprar cerveja para uma festa e notámos que as grades tinham desconto de 10%. Como era uma festa grande, comprámos 2 grades.

O caixa multiplicou 10% por 2 e fez-nos um desconto de 20% ...

Ele também vota !
_______________________________________

Saí com um amigo e vimos uma rapariga com uma argola no nariz, ligada a um brinco por meio de uma corrente. O meu amigo disse : "Será que a corrente não dá um puxão no nariz, cada vez que ela vira a cabeça ?"

Expliquei-lhe que o nariz e a orelha de uma pessoa permanecem à mesma distância, independentemente da pessoa virar a cabeça ou não.

O meu amigo também vota !
________________________________________

Ao chegar de avião, as minhas malas nunca mais apareciam na área de recolha da bagagem. Fui então ao sector da bagagem extraviada e disse à funcionária que as minhas malas não tinham aparecido.

Ela sorriu e disse-me para não me preocupar, porque ela era uma profissional treinada e eu estava em boas mãos. "Agora diga-me uma coisa, perguntou ela ... o seu avião já chegou ?"

Ela também vota !
_______________________________________

Numa pizzaria, quando estava à espera de ser atendido, vi um homem a pedir uma pizza para levar para casa. Estava sozinho, e o empregado perguntou se ele preferia que a pizza fosse cortada em 4 pedaços ou em 6.

Ele pensou algum tempo e respondeu : "Corte em 4 pedaços; acho que não estou com fome suficiente para comer 6 pedaços."

Isso mesmo, ele também vota!

Agora já sabem QUEM elege os políticos!

BOM FIM-DE-SEMANA!!

27 de março de 2014

A meio da eliminatória


A meia-final da Taça de Portugal, que coloca frente a frente o Porto e o Benfica, teve ontem a primeira parte.
A meio da eliminatória, o Porto está em vantagem (1-0).
E está em vantagem porque, no jogo de ontem, foi claramente melhor.
E foi melhor porque Luís Castro, treinador interino, está a fazer um bom trabalho no Dragão.
Não foi preciso ser genial para fazer a equipa mudar completamente em relação ao que se via na era Paulo Fonseca.
Bastou colocar as peças certas nos lugares certos e abandonar uma táctica contra-natura que Paulo Fonseca teimosamente queria implementar no Porto.
No tradicional 4/3/3, com Fernando a ter tempo e espaço para varrer o espaço à frente da defesa, o Porto funciona.
O duplo pivô defensivo tolhia os movimentos ao "Polvo" e a quem o acompanhava.
O jogo do Porto emperrava, era confuso.
Com Luís Castro, esse erro crasso foi corrigido.
Mas, atenção, se é verdade que o Porto foi melhor no jogo de ontem, e até podia ter marcado mais golos, também não deixa de ser verdade que os muitos erros que foram cometidos desde o início da época não desapareceram por magia.
Há evidente escassez de soluções de qualidade, falta de classe, neste plantel do Porto.
Se a memória não me falha, só ontem jogou pela primeira vez em conjunto aquele que julgo ser o melhor trio de centro-campistas deste Porto.
E que, a jogar junto, permite ter mais soluções no campo e no banco.
Se os defeitos do Porto não desapareceram com a vitória de ontem, as virtudes do Benfica também não desapareceram com a derrota, 27 jogos depois da última vez que os encarnados tinham perdido.
O Benfica está a fazer uma grande época, Jorge Jesus aprendeu com os erros cometidos num passado relativamente recente, está a gerir melhor o excelente plantel que soube montar, está mais modesto, mais ponderado.
E, por via disso, muito mais próximo do sucesso.
A meio da eliminatória, o Porto está em vantagem.
Porque ganhou o jogo de ontem.
Só isso, nada mais.

Resumo de "Os Maias"




26 de março de 2014

Dois enormes egos e uma polémica estéril


Vivendo longe de Portugal, confesso que assisto com perplexidade a algumas polémicas no meu País.
Portugal vive mergulhado numa situação terrível.
A nível económico, como todos sabemos, com sérios reflexos a nível social, psicológico e sociológico.
No meio desta tempestade perfeita, os portugueses distraem-se a discutir as consequências de um bate-papo idiota entre um mentiroso compulsivo e um narcisista.
Num canal de televisão público, sustentado a peso de ouro com o dinheiro que é constantemente sugado aos contribuintes.
A preocupação de quem alimenta esta novela nas páginas dos jornais, nos fóruns de opinião nas redes sociais, não é revoltar-se com o facto de o mentiroso compulsivo utilizar o canal público de televisão para tentar branquear os disparates cometidos no seu período de governação à sombra de um suposto comentário político.
Ou de o narcisista  utilizar o mesmo meio de comunicação em despudorada actividade de diletante auto-promoção.
José Rodrigues dos Santos procurou irritar José Sócrates (é muito fácil!!)? O antigo primeiro-ministro reagiu mal? José Rodrigues dos Santos foi demasiado longe nos seus intentos?
And the news is....????
Não percebo.

Dicionário alentejano em verso




No Alentejo temos o nosso latim
a alcunha é anexim


Cesto grande é cabanejo.
Chamam chato ao percevejo
A gorjeta é melhadura
A diarreia é soltura
As fezes inquietações
Mas ó que lindas expressões
Vindas de gente tão pura!


Grande jantarada é pancão
Caramelo é água gelada
Pote de barro é azada
E zebre oxidação.
Homem traído é c*rno
Mulher de mau porte é zorra
Fêmea estéril é machorra
Neste meu vocabulário
Eu ando a ler ao contrário
Isto é que vai uma porra!


Morrinha é epidemia
E sisma é fixação
Desastre é  acidente de viação
Chapa é uma radiografia.
Catarral é pneumonia
Deitar fora é aventar
Cagáço é medo a fartar
E retoiças são brincadeiras
Chamam cabras às frieiras
Mas que dialeto invulgar !


Ao vadio chamam gandulo
Girólmo é sempre jerónimo
Um gajo é um homem anónimo
Estar cheio é estar de cagulo.
Ao inchaço chamam matulo
Borrega é bolha no pé
Banco de madeira é ganapé
E cega rega é uma cigarra
Mas que prenuncia bizarra
Parece mentira até !


Velhacas são pessoas más
E trongas mulheres da vida
Multa é murta toda a vida
Sontordia, foi há um tempo atrás.
Chamam sofázes aos sofás
E cova a um grande vale
Monquita é corrimento nasal
Ó áik é abalar à pressa
Para mim não há mais conversa
É um dicionário especial


Tropeço é banco de cortiça
E os trástes são a mobília
Á lagarta chamam rosquilha
Mela e bôbas à preguiça.
Chamam quadra à cavalariça
E aos calos chamam ginetes
Fazer caretas são munetes
Aqui e em todo lado
Eu cá fico admirado
Chamarem às meias aos suquétes


Abuinha é borboleta
Impár é gemer de dor
Fora daqui diz-se; andor
Masturbação é p*nheta.
A mulher trigueira é preta
Mofina é ser egoísta
Quem protesta é comunista
Mas não creio nessa versão
Testó, é para afastar o cão
Ricas palavras à vista


Árencu é pirilampo
Miutera é ponte de pau
Pano de azeitona é laráu
Tubarões são cogumelos do campo.
Entrementes é entretanto
Chamam coito à coutada
Muitos cães, é uma canzuáda
Mas que léxico tão bonito
Se vou sair; eu me quito
Mas volto, não tarda nada!


Cama no chão é camastralho
Concha de buzio é buzino
Ao soco chamam moquino
Copa é roupa de agasalho.
Chamam chinas ao cascalho
E às beatas baronas
Os amendoins são ervelhanas
Carepa é caspa a cair
Como é tão bom ouvir
Estas expressões alentejanas


Escarióte é um ser fugidio
E o armazém é um casão
Cisco é resto do carvão
Esconfique eu desconfio.
Tudo o que é arisco é gentio
E ao orvalho chamam margia
Lamaçal é enxóvia
E as carraças são carrapatos
São estes os meus relatos
Que fiz em versos de um dia


Tráita, é ter certo costume
Buzio é estar embaciado
Borcalho é mal-educado
Luminária é um grande lume.
Ao suco chamam cerume.
Um larila é um maricas
Os tataranhos são riscas
E zarolho é quem vê mal
Neste canto de portugal
Às fendas chamam taliscas


Boca do corpo é a vagina
Regemento é o período pós parto
Chamam sardão ao lagarto
E quinita à joaquina.
Coisa ruim é malina
Lostras são manchas na pele
Um baraço é um cordel
Mais que muitos é muita gente
Brinhol é fartura quente
Na boca do ti manel!


Por fim, direi que é bizarro
Às nádegas chamarem nalgas
E às mulheres ricas fidalgas
E quarta ao púcaro de barro.
Chamam murrâo à cinza de cigarro
E a mascara é uma caraça
Muito barulho é arruaça
E as faúlhas são castelhanos
Estes vocábulos alentejanos
Digam lá se não têm graça?

25 de março de 2014

Occupy Macau?


Os moradores do Edifício Sin Fong Garden poderão ter sido, com a iniciativa que protagonizaram ao acampar na rua em frente ao prédio, os percursores do Movimento Occupy em Macau.
As várias facetas do Movimento Occupy, espalhadas um pouco pelo Mundo, têm um denominador comum - a procura de respostas concretas para questões também concretas colocadas às respectivas entidades governamentais.
Tenham um cariz mais revolucionário - de mudança de regime político; ou financeiro - de maior justiça distributiva; as várias nuances do Movimento Occupy têm sempre subjacente esse denominador comum - a busca de respostas.
E era isso que queriam também os moradores do Edifício Sin Fong Garden.
Tanto assim  era que, com a presença e as respostas muito claras, muito simples, dadas por Alexis Tam, os moradores imediatamente desmobilizaram e abandonaram os seus protestos.
Mas poderão ter deixado, ainda que inconscientemente, a semente para posteriormente germinar.
Doravante é bem possível que, quando a sociedade civil se sentir injustiçada, se assista a fenómenos semelhantes ao agora acontecido junto ao Edifício Sin Fong Garden.
E é bom que as autoridades governamentais tenham consciência desse facto - do facto de o Movimento Occupy ter chegado a Macau.
Via Sin Fong Garden.

O jogo da toalha - para sorrir

24 de março de 2014

As gengivas e os dentes




*Lembro-me que tinha aí uns 7 anos e uma vez a minha mãe apanhou-me a meter a mão por debaixo da saia de uma menina da minha rua e gritou-me:* 

*- TIRA DAÍ AS MÃOS,NÃO SABES QUE AS MULHERES TÊM DENTES AÍ EM BAIXO?*

*Em pânico tirei a mão rapidamente e chorei com susto que levei, mas também fiquei feliz por não ter sido mordido.* 

*Alguns anos se passaram e eu sempre convencido de que de facto as mulheres tinham dentes naquela zona tal como a minha mãe me tinha dito, até que aos 15 anos vejo-me prestes a ter a minha 1ª experiência sexual com uma miúda de 20 anos,

* Andava na minha turma, estávamos em casa dela aos beijos e ela com uma bela mini saia diz-me:* 

*-NÃO QUERES IR UM POUCO MAIS LONGE?... PODIAS METER A MÃO AQUI EM BAIXO???* 

*Fiquei apavorado e respondi:* 

*- F*D*S*... NÃO!!! TENS DENTES AÍ EM BAIXO!!* 

*- O QUÊ?? TÁS MALUCO? É CLARO QUE NÃO TENHO!!* 

*- TENS, TENS QUE A MINHA MÃE DISSE-ME...* 

*- NÃO TENHO NADA... ORA ENTÃO VÊ LÁ... diz-me ela depois de levantar a saia e tirar as cuecas e abrir um pouco as pernas.* 

*- DESCULPA LÁ MAS NÃO ME CONVENCES, A MINHA MÃE DISSE QUE TINHAM DENTES É  PORQUE TÊM...* 

*- Ela desesperada, tira a saia abre completamente as pernas e com as mãos  afasta um pouco os lábios e diz:* 

*- E AGORA JÁ ACREDITAS QUE NÃO TENHO DENTES AQUI??* 

*- BEM... AGORA ACREDITO... MAS VENDO AS GENGIVAS NESSE ESTADO, DEVE TER-TE CUSTADO MUITO A TIRAR OS DENTES...* 


BOA SEMANA!!!

O motorista


 Depois de arrumar toda a bagagem do Papa FRANCISCO,  o motorista reparou que o Papa ainda se encontrava no exterior do veículo.   --"Desculpe-me Sua Santidade", disse o motorista, "Não se importa de  ocupar o seu lugar para que possamos seguir?".
          --"Bem, para dizer a verdade", diz o Papa, "No Vaticano nunca me deixavam conduzir quando era Cardeal, como Papa ainda menos, e apetecia-me mesmo conduzir hoje!".
          --"Desculpe-me Sua Santidade, mas não posso fazer isso. Perderia o meu emprego! E se acontecesse alguma coisa?" protestou o motorista, desejando não ter ido trabalhar nessa manhã.
          --"E quem é que vai contar?, diz o Papa com um sorriso.
              Relutantemente, o motorista senta-se atrás, enquanto o Papa ocupa o lugar ao volante.
O motorista imediatamente se arrepende pois, mal deixam o aeroporto o Papa mete o prego a fundo acelerando a limusina até aos 205 km/h.
         .--"Por favor, Sua Santidade!" implora o preocupado motorista; mas o Papa continua com o prego a fundo até que se ouvem sirenes.
          --"Oh, meu Deus, vou perder a minha carta de condução e o emprego!", soluçava o motorista.
            O Papa encosta a limusina e desce o vidro quando o polícia se aproxima;
          Quando este olha para ele, regressa à mota e estabelece contacto rádio com a Central.
          --"Preciso de falar com o Chefe", informa ao operador.
          O Chefe responde e o guarda diz-lhe que mandou parar uma limusina que seguia a 205 km/h.
          --"Então aplica-lhe a multa", diz o Chefe.
          --"Não creio que devamos fazer isso, ele é mesmo importante", diz o polícia.
          O Chefe exclama, "Por isso mesmo, multa o sacana!"
          --"Não, é que é MESMO importante", insiste o guarda.
          Então o Chefe pergunta, "Quem tens aí, o Presidente da Câmara?"
          E o polícia: "Mais alto".
          O Chefe: "Um deputado?"
          Polícia: "Mais importante".
          Chefe: "O Primeiro Ministro?".
          Polícia: "Muito mais!".
          --"Bolas", diz o Chefe, "Então quem é?".
          O polícia: "Acho que é Deus!".
          O Chefe fica atrapalhado, "E o que te leva a pensar que seja Deus?".
          Polícia: "É que o motorista Dele ...  é o Papa!".

Azar



Uma mulher maravilhosa bate à porta do vizinho e diz :
- "Olhe, cheguei agora, estou com uma vontade louca de me divertir, de me embebedar, de fazer sexo a noite toda...você está ocupado esta noite?"
- "NÃO!!!"
-"Nesse caso ... pode ficar com o meu cão?

21 de março de 2014

Boa como a lua


Pergunta a Professora:

- Que género de mulher gostarias para ti, João?

- Eu gostaria de uma mulher que fosse como a Lua

- Uau! que escolha ... tu queres uma que seja bonita e calma como a Lua?

- Não professora, eu quero uma que chegue pela noite e desapareça pela manhã...

BOM FIM-DE-SEMANA!!

O "69" do ceguinho


O ceguinho estava há tempos sem dar uma ... E vivia pedindo :

- Arruma uma mulher pro ceguinho , arruma !
 Um amigo , já de saco cheio , resolve dar uma força pro ceguinho , e diz que vai arrumar uma mulher pra ele .
 
O ceguinho vai pra casa e fica esperando ... E logo batem na porta .
 - Quem é ?
 - É a Sueli .
 Vim a mando de um amigo pra resolver o seu problema .
 
O ceguinho todo entusiasmado abre a porta e a mulher entra e senta-se na cama . Ele diz :
 - Como você está vestida , heim ... Heim ... Heim ... ?
 - Botinha de couro , saia justa , blusinha de seda e nada por baixo !
 - Ahhhh ... Suspira o ceguinho . É hoje !!!
 - Tira a botinha , tira !
 - Como é que você está agora ?
 - Descalça deitada na cama !
 - Ai meu Deus , é hoje !!!
 - Tira a blusinha , tira !
 - Como é que você está agora ?
 - De seios nus , só de sainha !
 - Tira a saia .Tira a saia , pelo amor de Deus !
 - E agora ?Como está ?
 - Estou nua , deitada na cama só esperando meu garanhão dizer como quer !
 O ceguinho então pergunta :
 - Sueli , ... você já fez 69 ?
 - Ainda não , faço daqui a dois meses ...

Salazar e as correntes



- Ó Pai....quem foi Salazar?
- Foi um Senhor que pôs correntes ao povo português e aos povos das ex-colónias.
- Ó Pai.... e o PASSOS COELHO, quem é?
- Esse, meu filho, foi o homem que tirou as correntes ao povo português e aos povos das ex-colónias.
- Ó Pai....e o que são as correntes?...
- Eram aquela coisa de ouro que o teu avô e os outros homens usavam no colete para segurar o relógio!......

20 de março de 2014

Como eu li a mensagem de Cavaco Silva


Aníbal Cavaco Silva anunciou ontem a data das eleições para o Parlamento Europeu (europeias).
Muito mais importante que a data escolhida (25 Maio) foram as mensagens, os recados em bom rigor, que o Presidente da República quis fazer passar.
Ao apelar mais uma vez a consensos que sabe impossíveis, a campanhas eleitorais onde impere a elevação e o civismo, à necessidade de fazer passar para o exterior a imagem de um país que na realidade neste momento não existe, Cavaco Silva pretende, deixar aos partidos e ao País uma mensagem subliminar - não pretendam extrapolar resultados de eleições para o Parlamento Europeu para o plano interno que eu não jogo esse jogo.
Mais uma vez, ainda que de forma indirecta, sub-reptícia, Cavaco Silva afirma-se como o garante da estabilidade política a todo o custo.
Austero, esfíngico, Cavaco Silva terá deixado ontem muito mais tranquilo Pedro Passos Coelho.
Ainda que confrontado com um resultado eleitoral desastroso  para os partidos da coligação governativa, Cavaco Silva não vai tomar a iniciativa de alterar minimamente o equilíbrio de forças político a nível interno.
E nem sequer deseja que outros tomem essa iniciativa.
Esta segunda parte do recado presidencial tem destinatários muito concretos - António José Seguro, obviamente; mas também, e mais importante, o sempre imprevisível Paulo Portas.

Para sorrir - fotos com legendas



— Podes beber o que quiseres, desde que não te encostes a mim... 

  


— Não estou para ninguém! 

  


— Já não tenho idade para aturar isto...

  


— Acho que podemos atravessar; não vejo carro nenhum...




 — O nº3 tem a mania que é grande; porque é que não come deitado como nós...??



— Não há dúvida, pá! O canário da vizinha está à janela. Que maldade...!

  


— Então meu, e novidades? 

— Nenhumas; os meus donos continuam a dar-me Pedigree Pal, mas a cozinheira finta-os e dá-me frango sempre que pode.

  


— Chega-te para lá! 

— Chega-te tu! Olha p'ra ele...! 
— Mas eu cheguei primeiro! 
— E eu estou cansado!... 
— Cala-te e deixa-me comer... 
— Não se fala com a boca cheia!... 
— Chato!...


— Este tapete é muito quentinho... 

— Sim; e, de vez em quando, até ladra.

  


— Rua!! Quero dormir!!!... 

  


— Ó do barco!!! Há por aí alguma foca que se coma?... 

  


— Que coisa tão esquisita... O que será? 

— Esquece, filha. O que interessa é que tem uma sombra porreira.



— Socoorro!!! Tirem-me daqui!!!! Eu não quero comer os peixinhos: só queria brincar com eles. Socoorro!!!


  


— Muito agradecido! Nem imagina como é difícil encontrar 'mindoins' com recheio...
  
  


— Podias dar outra voltinha?

  


— Estou de rastos! Duas zebras e uma gazela... é demais. Vou passar a ir ao supermercado!

  


— Que diabo estão aqueles dois a fazer lá em cima? Aqui em baixo é que se come bem!



— Por enquanto, fico aqui; quando chegar a fatiadora, piro-me!


  


— Sim, ele é que limpa as persianas.

  


— Tenham calma, porra! Isto chega para todos!...

  


— Quem diria que aqui se dorme bem...

  


— Mas eu lavei as patas! Palavra de urso...! 'tá a ver...?

  


— Tomara que cresçam depressa, porque ir à caça com eles é uma canseira...

  


— Pela última vez: não fui eu quem roeu as peúgas!! E não gosto que duvidem de mim, entendido?

  


— Não dou! O ursinho é meu!...

  

— Isto é ridículo... Se os meus amigos sabem, nunca mais vou para o telhado; porque será que os meus donos não arranjaram um cão do MEU tamanho?

Beijinho especial para a Maria do Sol :)