31 de agosto de 2011

A Fitch e a dívida soberana da China


Acabo de ouvir uma notícia deveras surpreendente - a agência de notação financeira Fitch prevê que, nos próximos dois anos, o rating da dívida soberana chinesa terá que ser revisto em baixa.
Depois dos países europeus, dos Estados Unidos, do Japão, chega agora a vez da China.
Razão tinha um amigo meu quando dizia que, contas feitas, tenho que concluir que já devo para aí uns dois mil euros a mim próprio.
E não disponho de meios que me permitam saldar a minha dívida para comigo mesmo.

O novo ponta-de-lança do Porto


Encerra hoje o mercado de transferências em Portugal.
E a especulação acerca do nome do ponta-de-lança que o Porto irá contratar (vai??!!) para substituir Falcao acentua-se.
Queria deixar aqui uma sugestão - se estão mesmo tão interessados em saber o nome do goleador que o Porto vai contratar, porque é que não perguntam ao Jorge Jesus qual é o ponta-de-lança que ele quer para o Benfica??
Ficava logo o mistério esclarecido!!

What a recession is capable of


The recession has hit everybody really hard...

- My neighbour got a pre-declined credit card in the mail.

- Wives are having sex with their husbands because they can't afford batteries.

- CEO's are now playing miniature golf.

- Exxon-Mobil laid off 25 Congressmen.

- A stripper was killed when her audience showered her with rolls of pennies while she danced.

- I saw a Mormon with only one wife.

- If the bank returns your check marked "Insufficient Funds," you call them and ask if they meant you or them.

- McDonald's is selling the 1/4 ouncer.

- Angelina Jolie adopted a child from America.

- Parents in Beverly Hills fired their nannies and learned their children's names.

- My cousin had an exorcism but couldn't afford to pay for it, and they re-possessed her!

- A truckload of Americans was caught sneaking into Mexico.

- A picture is now only worth 200 words.

- When Bill and Hillary travel together, they now have to share a room.

- The Treasure Island casino in Las Vegas is now managed by Somali pirates.

And, finally....

- I was so depressed last night thinking about the economy, wars, jobs, my savings, Social Security, retirement funds, etc., I called the Suicide Hotline. I got a call centre in Pakistan, and when I told them I was suicidal, they got all excited, and asked if I could drive a truck.

O saber feminino (2)


Há dois tipos de pessoas - as que fazem as coisas e as que ficam os louros.
Procure ficar no primeiro grupo -  há menos competição lá.

Indira Gandhi
(Estadista)

Fotos no ângulo certo (10)

E agora os anos 70 (175)

30 de agosto de 2011

Benfica e Braga na liderança; Barcelona goleia

Ainda que à condição (o Porto tem menos um jogo), o Benfica e o Braga, depois das vitórias de ontem, assumiram a liderança da Liga Zon Sagres.


Na Madeira, num jogo interrompido duas vezes por causa do nevoeiro, o Benfica bateu, como toda a justiça, o Nacional da Madeira (2-0).
Cardozo e Bruno César marcaram os golos que colocam os encarnados no topo da Liga.
Uma vitória importante para o Benfica, não só pela moral que transmite, como também pelo facto de ser muito complicado ganhar naquele campo.
Curto, estreito, com muros ali ao pé dos jogadores e, ontem como em outras ocasiões, com intenso nevoeiro.
O Benfica dominou, domínio que se acentuou quando ficou com um jogador a mais, e ganhou com toda a justiça.
O Nacional, que Ivo Vieira quer que seja uma equipa corajosa, ainda não marcou um único golo nesta época.
Coragem sem eficácia não adianta muito.....
Jorge Jesus repetiu a fórmula europeia, com Cardozo no onze (só Jardel substituiu o lesionado Garay), o paraguaio voltou a marcar, e o Benfica está a fazer um início de época muito diferente do que aconteceu na época passada.
E já tem mais cinco pontos que o rival Sporting.


Quem parece ter acertado o passo é o Braga de Leonardo Jardim.
Depois do apuramento complicado na Suíça, os bracarenses foram ganhar a Setúbal (golaço de um renascido Hélder Barbosa) e estão, a par do Benfica, no topo da tabela.
Leonardo Jardim desvaloriza o facto ("ainda só estamos na terceira jornada").
Mas a verdade é que o Braga parece ter estabilizado a equipa, acalmado os nervos.
E já tem mais cinco pontos que o Sporting.
Dois jogos complicados (Berna e Setúbal), um empate com sabor a vitória e uma vitória, o Braga no topo da classificação e Leonardo Jardim a demonstrar grande confiança na equipa e no seu trabalho.



Se, em Portugal, há fortes indicadores de que vamos ter uma Liga competitiva, em Espanha, a luta entre Real e Barcelona vai ser tremenda.
O Real tinha goleado (6-0) em Saragoça?
O Barcelona respondeu com 5-0 mesmo que a meio gás.
A vítima foi o Villareal, atropelado em Camp Nou.
Ronaldo marcou três golos?
Messi respondeu com dois.
E vai ser assim a época inteira.
O Real e o Barcelona, Ronaldo e Messi, a darem espectáculo, a excederem-se.
Emocionante!

Mas só com o Real e o Barcelona.
Como ontem comentava com um amigo na blogosfera, insiste-se no facto de o campeonato português ser desiquilibrado.
E o espanhol?
A tal que é por muitos considerada a melhor Liga do planeta?
Real e Barcelona em luta de titãs.
E o resto é paisagem!!
Seria normal o Porto, ou o Benfica, ou o Sporting, golearem o Braga (não será um paralelismo que se pode fazer este entre o Braga e o Villareal?) por 5-0?
Hoje já havia problemas no Minho.
E, no entanto, o Barcelona enfiou cinco ao Villareal, ao "Submarino Amarelo", e ninguém achou estranho, ninguém se indignou.
Porque esse desiquilíbrio brutal já é considerado normal.

Aprendendo com João Vale e Azevedo


Vale e Azevedo vai a uma churrasqueira e pede ao empregado que embrulhe dois frangos.

Enquanto o empregado embrulha os frangos, repara numas belas codornizes e pergunta ao empregado se pode trocar os 2 frangos por 4 codornizes, ao que o empregado responde:

- Claro que sim.

Depois de embrulhadas as codornizes e entregues ao cliente, este vai-se embora, quando o empregado irrompe:

- Desculpe, mas o Sr. esqueceu-se de pagar as codornizes.

- Mas eu não as comprei, troquei-as pelos frangos! - disse Vale e Azevedo, "indignado" com a petulância do empregado.

- Mas também não pagou os frangos!

- Correcto, mas também não os levo...pois não ?

O saber feminino (1)


"Eu sou aquela mulher que fez a caminhada da vida removendo pedras e plantando flores."

Cora Coralina
(Poetisa)

Fotos no ângulo certo (9)

E agora os anos 70 (174)

29 de agosto de 2011

Devo ter ouvido mal....


É, eu devo ter ouvido mal.
Só pode ser essa a explicação.
Não houve responsáveis governamentais a sugerirem, agora que o início de novo ano lectivo se aproxima, que os pais e as criancinhas se levantem mais cedo para não chegarem atrasados às escolas por causa do congestionamento do tráfego e das obras nas ruas, pois não?!
Pois, eu devo ter ouvido mal.
Porque uma afirmação tão irresponsável não passaria incólume, pois não?!

Crises que se acentuam e goleadas que confirmam super-equipas


Terceira jornada, segundo jogo em Alvalade, e o Sporting soma dois pontos (já perdeu sete em nove possíveis).
No papel, o calendário era simpático para o Sporting de Domingos.
Olhanense, em casa (empate), Beira-Mar, fora (empate) e Marítimo, em casa (derrota).
Na prática, tem sido uma campanha paupérrima, um desastre.
Autista, o presidente do Sporting começou a época a "comprar" uma guerra com os árbitros.
A equipa não joga, não funciona, não tem qualidade, não se encontra, não se define, Domingos desespera......e Godinho Lopes continua a falar de árbitros.
E a comprar mais jogadores (Insùa e Elias).
Depois de terem soado todas as campaínhas de alarme, que julgo que só Domingos ouviu, ontem, em Alvalade, perante um Marítimo que até tinha começado a época muito mal, o Sporting averbou a primeira derrota na Liga.
E mostrou velhos defeitos que não foram corrigidos - uma defesa muito fraca, péssima nos lances de bola parada, um  meio-campo pouco pressionante, uma frente atacante macia.
Assim não há treinador que resista.
E Domingos, por este caminho, não vai resistir muito tempo.
O Sporting chegou ao intervalo a ganhar, deixou o Marítimo virar o resultado, empatou novamente, e, quando se pensava que iria para cima do adversário para ganhar o jogo, acabou a perder nos instantes finais do jogo.
Mau, mesmo muito mau, a exigir reflexão e medidas drásticas.
E não conversas acerca de árbitros.

Crise é palavra que se ouve também em Guimarães.
Manuel Machado saiu.
Mas os vícios e a falta de qualidade do plantel ficaram lá todos.
A derrota, em casa (0-3) frente ao Beira-Mar (em dois jogos, em casa, no espaço de três dias, o Guimarães averbou duas derrotas, sofreu sete golos e não marcou nenhum) fez disparar a fúria dos adeptos.
O autocarro que transportava os jogadores ficou retido durante uma hora e só saiu sob escolta policial.
Emílio Macedo tem que arrumar aquela casa muito rapidamente.
Com esta equipa, sonhos europeus parecem pouco mais que uma miragem.

Crise que também já chegou a Vila do Conde.
Derrota, em casa, perante o Olhanense (grande começo de época) e o Rio Ave a ter um início de época nada habitual por aquelas bandas.
Mas, neste caso, Carlos Brito e os seus jogadores são capazes de arrepiar caminho e fazer um campeonato tranquilo.

No outro jogo do dia, o 0-0 no Feirense/Paços de Ferreira dá um jeitão às duas equipas.
Um pontinho, numa luta pela sobrevivência que vai ser terrível, já é bem interessante.



Crise é uma palavra estranha ao vocabulário do Real Madrid.
Deslocação a Saragoça e demonstração de um poderio excepcional.
Goleada (6-0), exibição de gala, hat-trick de Ronaldo, uma super-equipa.
A luta com o Barcelona vai ser fenomenal!



Crise que os "red devils" também não conhecem, mas que o Arsenal conhece muito bem.
Os 8-2!!! de ontem, em Old Trafford, com hat trick de Rooney, mostraram uma super-equipa de um lado, outra muito débil do outro.
E esta debilidade não pode ser explicada apenas pelas saídas de Fàbregas e Nasri.
Estarão o modelo de jogo e a filosofia de Wenger a chegar ao fim?

Falsos mendigos

Você já ouviu falar no "kit mendigo"?
Já não há limites!!

Matri-mono (última)


O casamento é uma relação entre duas pessoas em que uma tem sempre razão e a outra é o marido.

Anónimo

Fotos no ângulo certo (8)

E agora os anos 70 (173)

28 de agosto de 2011

Admitam que já vos apeteceu fazer algo de semelhante

BFDS:)))
A Académica perdeu com o Gil Vicente :((((

Matri-mono (20)

Tenho que admitir que a nossa última discussão foi culpa minha.
Quando ela me perguntou - "o que é que estás a ver na televisão?", eu não devia ter respondido - "Bastante pó. Devias limpá-lo!".

Anónimo

Fotos no ângulo certo (7)

E agora os anos 70 (172)

Sugestão de uma seguidora e para dar as boas vindas a um(a) novo(a) seguidor(a) que eu não consigo ver quem é.
Coisas do Blogger.....

27 de agosto de 2011

"A diferença é que nós temos Messi e eles não" (Dani Alves)


Esta declaração de Dani Alves reflecte fielmente a grande diferença entre Porto e Barcelona ontem no Mónaco.
E reflecte, ao mesmo tempo, a humildade genuína de jogadores e equipa técnica do Barcelona.
Gente que já ganhou tudo, que já tem um lugar guardado na História, mas que continua a ter esta postura desarmante.
Humilhar adversários, só dentro do campo e com a bola nos pés.
Algo que não aconteceu ontem.
O Porto jogou olhos nos olhos com o Barcelona, estava a fazer o que poucas equipas conseguem fazer (parar o jogo dos "blaugrana"), até que Guarín teve aquele lance infeliz.
Escreve a "Gazetta dello Sport" que, para além de todas as outras estrelas, o Barcelona ainda tem a estrela da sorte (deve ser a versão italiana do adágio "a sorte protege os audazes").
Entregar a bola assim a Messi é puro suicídio.
E chegamos a essa "Pulga" terrível que o Barcelona foi descobrir à Argentina.
Marcou o primeiro golo, "inventou" o segundo (Fàbregas) com um passe fenomenal, "expulsou" Rolando.
Mais influência que isto....
Pelo meio, Bjorn Kuipers, o tal árbitro que era suposto ter jantado com Pinto da Costa (o que é que ele comeu para ficar assim???), fez vista grossa a um penálti claro cometido por Abidal sobre Guarín.
Faltavam dez minutos para o jogo acabar, o resultado estava em 1-0, e as duas equipas tinham 11 jogadores em campo.
Ficará sempre o "se"....
E esta é outra característica deste Barcelona - é uma equipa simpática, que caiu em graça.
Não há como negá-lo.

O Barcelona leva mais um troféu para casa, o Porto sai de cabeça erguida, Guarín teve uma noite para esquecer.
Em termos de apreciações individuais, gostei da postura de Vítor Pereira (quer o Porto a jogar sem medo), gostei da defesa do Porto (especialmente de Otamendi), gostei de ver Souza a jogar sem receios contra os "monstros" do Barcelona, gostei de ver Moutinho com aquele dínamo que não se esgota.
Percebe-se que Kléber ainda precisa de muito tempo para ser a tal referência de que fala Vítor Pereira, que Hulk tentou mas não conseguiu mais, e que o "Cebola" correu muito, quase sempre inconsequentemente, para impressionar alguém (porque é que James não foi ao Mónaco? Condição física deficiente?).
Guarín, tão elogiado pelos jogadores e equipa técnica do Barcelona, teve uma noite pavorosa.
Que culminou com aquela expulsão estúpida e desnecessária.
Glória aos vencedores, honra aos vencidos!!



Umas horas antes deste jogo, teve lugar o sorteio da fase de grupos da Liga Europa.
Simpático para o Braga e o Sporting, como tinha acontecido com o Porto e o Benfica no sorteio da Champions.

 O Sporting integra o Grupo D  e terá como adversários a Lazio, de Itália, o Zurique, da Suíça, e o Vaslui, da Roménia.

Já o Sp. Braga faz parte do Grupo H, ao lado de Club Brugge (Bélgica), Birmingham (Inglaterra) e Maribor (Eslovénia).
 
Liga Europa que já fez uma "vítima" - Manuel Machado abandonou o Guimarães.
Previsível.

Teste do senhor alemão


Alzheimer's Test for Modern Seniors
How fast can you guess these words?

 



1. F_ _K

2. PU_S_

3. S_X

4. P_N_S

5. BOO_S

6._ _NDOM



 


------------------------------------------------------------------------------

 



Answers:



1. FORK

2. PULSE

3. SIX

4. PANTS

5. BOOKS

6. RANDOM



You got all 6 wrong....didn't you?

Don't worry. You don't have Alzheimer's.You are just a pervert.

Matri-mono (19)

Já faz três dias que não consigo falar com ela.
É que não gosto de interrompê-la.....

Anónimo

Fotos no ângulo certo (6)

E agora os anos 70 (172)

26 de agosto de 2011

A Liga Europa, a Supertaça Europeia e o sorteio da fase de grupos da Liga dos Campeões

50/50, o balanço da noite de ontem das equipas portuguesas presentes na pré-eliminatória de acesso à Liga Europa.
Duas seguem em frente (Sporting e Braga); e duas ficam pelo caminho, ainda para mais goleadas (Guimarães e Nacional).



Em Alvalade, o Sporting venceu (2-1) os dinamarqueses do Nordsjelland e segue para a fase de grupos com o estatuto de cabeça-de-série.
Estas são as boas notícias para os leões.
Porque, frente a uns fraquinhos dinamarqueses, uns "rapazes altos e loiros", o Sporting voltou a revelar muitas insuficiências.
O futebol não sai fluido, a equipa falha muito na finalização, há intranquilidade, dentro e fora do campo, não há fio de jogo nem equipa.
E há um divórcio claro entre o público de Alvalade e alguns jogadores.
Djaló e Evaldo, especialmente estes, devem sentir um peso insuportável sempre que jogam em Alvalade e são assobiados pelos adeptos que os deviam incentivar.
Evaldo que, juntamente com André Marques, até fez o que os avançados não conseguiram - um golo, golaço!!, que coloca os leões na fase de grupos da Liga Europa.
Onde terão que ser muito melhores do que têm sido até agora para fazerem um boa prova.
Falta de sorte, arbitragens?
Se insistirem em ir por aí....
Uma nota final para o comportamento deplorável de adeptos que assobiam sistematicamente jogadores dos clubes de que se dizem simpatizantes.
Ontem, as vítimas foram Djaló e Evaldo.
Noutras circunstâncias, noutros estádios, outros jogadores.
Incompreensível e inaceitável!!


O Sporting vai ter a companhia do Braga na fase de grupos e como cabeça-de-série no sorteio de hoje no Mónaco.
Braga que também ainda anda à procura de uma identidade, de uma equipa.
Com muito sofrimento, e a genialidade do golo de Hélder Barbosa, os minhotos conseguiram um empate (2-2) muito complicado, em Berna, perante o Young Boys.
Que apazigua os ânimos mas não disfarça o facto de este Braga estar (ainda?) muito longe das equipas que apresentou nas últimas épocas.
Leonardo Jardim vai ter muito trabalho para colocar o Braga a jogar a sério.
Começando por arrumar a casa.
Que está ainda muito desarrumada.

Ali ao lado, em Guimarães, a desarrumação e o desnorte são totais.
De nada serve a Manuel Macahado atirar-se aos jornalistas quando lhe perguntam se ser goleado, em casa, pelo Atlético de Madrid (4-0) é uma humilhação.
Falar em diferenças orçamentais e fazer alusão a achincalhamento não mascaram a realidade.
O Vitória, de Manuel Machado, não tem qualidade.
É um reflexo do discurso do técnico - complexo, massudo, redondo, tantas vezes sem sentido.
Apresentar Nuno Assis como reforço, para acalmar as hostes, também é só um paliativo.
Se este Vitória não melhora, muito e muito depressa, Manuel Machado vai para a rua (ontem já viu lenços brancos).
E sim, levar quatro do Atlético, em casa, é uma humilhação.
Com, ou sem, cifrões à mistura.

Quem também não fez muito melhor foi o Nacional da Madeira.
Os 3-0 em Birmingham, equipa do segundo escalão do futebol inglês, revelam (confirmam!!) uma equipa com uma gritante falta de qualidade.
E é inevitável fazer a pergunta - o Nacional tem apenas meia dúzia de jogadores portugueses no plantel.
Não há para aí uma série de garotos, portugueses, que poderiam fazer muito melhor figura que grande parte daqueles jogadores do Nacional?
Eu respondo - há.
Porque é que não são contratados?
Isso já não sei.
Sei é que o Nacional, a jogar com um fraquinho Birmingham, deixou uma péssima imagem do futebol português.


Hoje, no Mónaco, há sorteio da fase de grupos da Liga Europa e  final da Supertaça Europeia.
O Porto enfrenta a melhor equipa da actualidade (há quem a ache que a melhor de sempre...), que tem o melhor jogador da actualidade - Lionel Messi, ontem eleito o melhor jogador a alinhar na Europa.
Como afirma Vítor Pereira, o Porto vai ao Mónaco tentar ganhar.
Não vai ver o Barcelona jogar.
Citando o diário "O Jogo", " (...) o FC Porto vai ter esta noite o jogo mais fácil da temporada; perder será normal, ganhar terá contornos de feito sobrenatural."
E é assim que os portistas devem encarar o jogo de hoje.
Sem receios de defrontar uma equipa fenomenal e de tentar ser felizes.
O Barcelona é favorito?
Sem dúvida.
E daí?


O sorteio da fase de Grupos da Liga dos Campeões parece, à partida, interessante para Benfica e Porto.
Ficam aqui os grupos:

Grupo A

B. Munique

Villarreal

M. City

Nápoles

Grupo B

Inter

CSKA

Lille

Trabzonspor

Grupo C

M. United

BENFICA

Basileia

Otelul

Grupo D

Real Madrid

Lyon

Ajax

D. Zagreb

Grupo E

Chelsea

Valência

B. Leverkusen

Genk

Grupo F

Arsenal

Marselha

Olympiacos

Borussia Dortmund

Grupo G

FC PORTO

Shakhtar

Zenit

APOEL

Grupo H

Barcelona

Milan

BATE

Plzen 

O Porto é favorito a passar à fase seguinte e até a vencer o grupo.
Mas tem duas viagens a Leste, complicadas em si mesmas, e ainda mais porque já irá apanhar o rigoroso Inverno no Leste da Europa.
Cautelas e caldos de galinha.....

Também o Benfica é favorito à passagem à fase seguinte.
Já não a ganhar o grupo.
Esse é, claramente, o Manchester.
Mas o Benfica passará, no mínimo, em segundo lugar.

Nos restantes grupos, prevê-se espectáculo e equílíbrio nalguns deles.
A começar por aquele terrível Grupo A (três equipas para dois lugares, porque o Nápoles não deverá ter grandes hipóteses).
Aceitam-se apostas, salvo seja.
Idem para os Grupos B e D (Trabzonspor e Dínamo Zageb como menos favoritos).
Os piores de todos, os Grupos E e F.
O Genk não tem hipóteses.
O Olympiakos também não.
Os outros três terão 33% cada um?
Vem aí espectáculo!!!

Explicar o BCE na esplanada do café


A Primavera esmerara-se. Um sol agradável acariciava-nos na esplanada do café à beira da minha porta.

A chegada do Senhor Antunes, o mais popular dos meus vizinhos, deu ensejo a uma lição sobre Europa e finanças a nós todos, que disto pouco ou nada percebemos.

- Oh Sô Antunes explique lá isso do BCE (Banco Central Europeu), aqui à rapaziada do Café.

- Então vá lá, mas só por esta vez...

- O BCE é o banco central dos estados da UE que pertencem à zona euro, como é o caso de Portugal.

- E donde veio o dinheiro do BCE?

- O capital social, o dinheiro do BCE, é dinheiro de nós todos, cidadãos da UE, na proporção da riqueza de cada país.

Assim, à Alemanha correspondeu 20% do total.

Os 17 países da UE que aderiram ao euro entraram no conjunto com 70% do capital social e os restantes 10 dos 27 Estados da UE contribuiram com 30%.

- E é muito esse dinheiro?

- O capital social era 5,8 mil milhões de euros mas no final do ano passado foi decidido fazer o 1º aumento de capital desde que há cerca de 12 anos o BCE foi criado, em três momentos, nos finais de 2010, de 2011 e de 2012 até elevar o capital do banco a 10,6 mil milhões.

- Então, se o BCE é o banco destes Estados pode emprestar dinheiro a Portugal, não é?
Como qualquer banco pode emprestar dinheiro a um ou outro dos seus accionistas.

- Não, não pode.

- ???

- Porquê? Porque... porque, bem... são as regras.

- Então, a quem pode o BCE emprestar dinheiro?

- A outros bancos, já se vê, a bancos alemães, franceses ou portugueses...

- Ah percebo, então Portugal, ou a Alemanha, quando precisam de dinheiro emprestado não vão ao BCE, vão aos outros bancos que por sua vez vão ao BCE ...

- Pois.

- Mas para quê complicar? Não era melhor Portugal ou a Grécia ou a Alemanha irem directamente ao BCE?

- Não e Sim. Quer dizer... em certo sentido... mas assim os banqueiros não ganhavam nada nesse negócio!

- ??!!..

- Sim, os bancos precisam de ganhar alguma coisinha.
O BCE de Maio a Dezembro de 2010 emprestou cerca de 72 mil milhões de euros a países do euro, a chamada dívida soberana, através de um conjunto de bancos XPTO, a 1% e esse conjunto de bancos XPTO emprestaram ao Estado português e a outros Estados a 6, a 7% ou mais...

- Mas isso assim é um "negócio da China"! Só por a irem a Bruxelas buscar o dinheiro...!

- Neste exemplo, ganharam uns 3 ou 4 mil milhões de euros.
E não têm de se deslocar a Bruxelas, nem precisam de levantar o cu da cadeira.

- E qual Bruxelas qual carapuça. A sede do BCE é na Alemanha, em Frankfurt, onde é que havia de ser?

- Mas, então, isso é um verdadeiro roubo... com esse dinheiro escusava-se até de cortar nas pensões, no subsídio de desemprego ou de nos tirarem o 13º mês ...

- Mas, oh seu Zé, você tem de perceber que os bancos têm de ter lucros, ENORMES, senão como é que podiam pagar os dividendos aos accionistas e aqueles ordenados, aviões, carros, telemóveis, férias aos administradores que são gente muito especializada e ainda ter disponibilidades monetárias para as tais engenharias financeiras...

- Mas quem é que manda no BCE e permite um escândalo destes?

- Mandam os governos dos países da zona euro.
A Alemanha em primeiro lugar que é o país mais rico, a França, Portugal e os outros países.

- Deixa ver se percebo.
Então, os Governos dão o nosso dinheiro ao BCE para eles emprestarem aos bancos a 1%  para depois estes emprestarem a 5% e a 7% aos Governos donos do BCE?

- Não é bem assim.
Como a Alemanha é rica e pode pagar bem as dívidas, os bancos levam só uns 3%.
A nós ou à Grécia ou à Irlanda que estamos de corda na garganta e a quem é mais arriscado emprestar é que levam juros a 6%, a 7% ou mais, actualmente já anda nos 20 e tal %...!

- Nós somos os donos do dinheiro e nós não podemos pedir ao nosso banco...

- Nós, nós, qual nós? O país, Portugal ou a Alemanha, é composto por gentinha vulgar e por pessoas importantes que dão emprego e tal.
Você quer comparar um borra-botas qualquer que ganha 400 ou 600 euros por mês ou um desempregado com um grande accionista que recebe 5 ou 10 milhões de dividendos por ano, ou com um administrador duma grande empresa ou de um banco que ganha, com os prémios a que tem direito, uns 50, 100, ou 200 mil euros por mês!?
Não se pode comparar.

- Mas, e os nossos Governos aceitam uma coisa dessas?

- Os nossos Governos, os nossos Governos... mas o que é que os governos podem fazer?
Por um lado, são, na maior parte, amigos dos banqueiros ou estão à espera dos seus favores, de um empregozito razoável quando lhes faltarem os votos.
Em resumo, não podem fazer nada, senão quem é que os apoiava nas eleições ?

- Mas oh que porra de gaita! Então eles não estão lá eleitos por nós?

- Em certo sentido, sim, é claro, mas depois... quem tem a massa é que manda.
Não viu isto da maior crise mundial de há um século para cá?
Essa coisa a que chamam sistema financeiro que transformou o mundo da finança num casino mundial como os casinos nunca tinham visto nem suspeitavam e que estão a levar os EUA e a Europa à beira da ruína?
É claro, essas pessoas importantes levaram o dinheiro para casa e deixaram a gentinha que tinha metido o dinheiro nos bancos e nos fundos a ver navios.
Então os governos nos EUA e cá na Europa, para evitar a ruína dos bancos, tiveram que repor o dinheiro.

- E onde o foram buscar?

- Onde havia de ser!? Aos impostos, aos ordenados, às pensões. Donde é que havia de vir o dinheiro do Estado?...

- Mas meteram os responsáveis na cadeia?

- Na cadeia? Que disparate.
Então, se eles é que fizeram a coisa, engenharias financeiras sofisticadíssimas, só eles é que sabem aplicar o remédio, só eles é que podem arrumar a casa.
É claro que alguns mais comprometidos, como Raymond McDaniel, que era o presidente da Moody's, uma dessas agências de rating que classificaram a credibilidade de Portugal para pagar a dívida como lixo e atiraram com o país ao tapete, foram passados à reforma.
O Sr. McDaniel é uma pessoa importante, levou uma indemnização de 10 milhões de dólares a que tinha direito.

- Oh Sor Antunes, então como é? Comemos e calamos?

- Isso já não é comigo, eu só estou a explicar...
....
....

- Bem pessoal tá no ir , obrigadinhos e um bom jantar para todos, ... Não esqueçam a novela !

Matri - mono (18)


Casei-me com a senhora "Tenho Razão".
Mas não sabia que o segundo apelido era "Sempre".

Anónimo

Fotos no ângulo certo (5)

E agora os anos 70 (171)

25 de agosto de 2011

Analisando o balanço dos trabalhos da Assembleia Legislativa


Os deputados, em Macau, partiram em férias.
Analisando o balanço dos trabalhos desta sessão parlamentar, e as estatísticas que agora são conhecidas, mais uma vez impressiona a elevada taxa de absentismo de muitos dos deputados.
Mais do que a sistemática ausência nos debates parlamentares (muitos são tão inúteis e enfadonhos que acredito que ninguém se sinta motivado para estar presente) faz-me impressão o elevado número de ausências nos trabalhos das diversas comissões parlamentares.
Se é verdade que, muitas vezes, o hemiciclo se transforma num local onde alguns deputados gostam de se mostrar ao seu "público", e gostam de ouvir o som das suas próprias vozes, não é menos verdade que, para quem acompanha a política em Macau, se percebe perfeitamente que é no trabalho das comissões que tudo se decide, que se conseguem os tão afamados consensos.
Como explicar então as ausências sistemáticas de alguns deputados no trabalho das comissões especializadas?
Afigura-se-me muito fácil.
A Assembleia Legislativa continua a funcionar mediante uma lógica de quintal.
Como tal, os deputados só estão presentes no trabalho de comissões que se ocupam de temas relevantes para o(s) seu(s) quintal(ais).
Quando o tema em debate ultrapassa os muros do(s) quintal(ais), não aparecem.
Tão simples quanto isto.
E julgo não errar se afirmar que há consciência desta realidade.
Se assim é, porque não reformular as comissões de acordo com os interesses presentes (os "quintais") de cada um dos sectores, combatendo desta forma a péssima imagem que a elevada taxa de absentismo representa?
Sim que, no que diz respeito a plenários, todos sabemos que está, à partida, garantida a maioria necessária nos dias de votações.

Sabem quem é?

Linda, super - modelo e filha de uma cantora muito famosa.
Sabem quem é?



Águia real!!!


Grande exibição do Benfica a garantir uma anunciada, e previsível, presença na fase de grupos da Liga dos Campeões.
Prestígio, e 7.5 milhões de euros, já cá cantam!!
Esta a exclamação que os benfiquistas poderiam ter soltado no final do jogo de ontem.
A vitória (3-1) sobre o Twente confirmou que o Benfica é muito superior aos holandeses.
Os números do resultado final, bem interessantes, até podiam ter sido mais dilatados.
Outra confirmação que fica do jogo de ontem - o Benfica reforçou-se muito bem.
Nolito, Garay e Witsel vieram acrescentar qualidade e soluções.
O belga, que tinha afirmado esta semana ser um jogador à Benfica, mostrou ontem que é um jogador inteligente, que preenche muito bem os espaços, faz muito bem as compensações, e marca golos.
O que fazia Ramires.
Com ele na equipa, Aimar fica mais solto, torna-se mais criativo e ameaçador, sem ter que se desgastar fisicamente.
E Javi Garcia não fica com o peso do meio-campo do Benfica todo para si.
Com dois alas muito rápidos e criativos (Gaitán e Nolito), e um verdadeiro ponta-de-lança (Cardozo), o futebol do Benfica é muito mais fluido do que com aquele rendilhado que a troca de Cardozo por Saviola implica.
O Benfica ganhou bem, passou a eliminatória com toda a justiça, está merecidamente na fase de grupos da Liga dos Campeões.
Porque é melhor equipa que o Twente, porque tem melhores jogadores, mais classe.



Depois de disputados todos os jogos, ficam aqui os apurados, e a respectiva distribuição por potes, para o sorteio de hoje.

POTE 1

Manchester United

Barcelona

Chelsea

Arsenal

Bayern Munique

Real Madrid

FC PORTO

Inter



POTE 2

Milan

Lyon

Shakhtar

Valência

BENFICA

Villarreal

CSKA Moscovo

Marselha



POTE 3

Zenit

Ajax

Bayer Leverkusen

Olympiakos

Manchester City

Lille

Basileia

BATE Borisov



POTE 4

Borussia Dortmund

Nápoles

Dinamo Zagreb

APOEL Nicosia

Trabzonspor

Genk

Otelul Galati

Plzen

Nota: Equipas do mesmo país não se podem defrontar nesta fase da prova.